Publicidade

Bahia 13 de setembro de 2017

Exportações baianas registram maior resultado dos últimos 23 meses

Em agosto, as exportações baianas atingiram US$ 890,7 milhões, melhor resultado nos últimos 23 meses. As informações foram analisadas pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI). É o quarto mês consecutivo de alta nas vendas externas do estado, resultado da melhora no dinamismo do comercial global, à base de comparação baixa, à recuperação nos preços internacionais das commodities e a uma boa safra, após um ano de forte seca.

Os números mostram alta nos três grupos de exportação em agosto, sobretudo nas vendas de produtos básicos (78%), puxadas pela soja, que já acumula no ano volume recorde de embarque para o período: 2,7 milhões de toneladas. Cresceram também as vendas de semimanufaturados (42,7%) e manufaturados (18,4%). Nesse último grupo, destaque para as vendas de automóveis que cresceram 104%, resultado do aumento de produção e de uma demanda interna ainda fraca, o que gerou maior excedente exportável. Celulose com crescimento de 66,1%, petroquímicos com +31,4% e minerais com incremento de 148,3% completam os setores responsáveis pelo bom desempenho das exportações em agosto.

Nos oito primeiros meses do ano, as exportações baianas acumulam US$ 5,2 bilhões, um crescimento de 13,7% em relação ao mesmo período do ano passado. A melhora recente dos preços ajudou no desempenho positivo, em agosto o incremento médios dos preços dos produtos exportados chegou a 2,5%, mas a alta das exportações no ano ainda se deve em grande parte ao aumento do volume embarcado que cresceu 15,6% puxado principalmente pela soja, que terá safra recorde, automóveis, minerais e derivados de petróleo.

Fonte: Ascom/ Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI)

FH, 13/9/17

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on RedditShare on LinkedInEmail this to someoneShare on Tumblr