Publicidade

Mundo 19 de janeiro de 2018

Estudantes baianos vivenciam experiências como jovens embaixadores nos Estados Unidos

Estas últimas semanas do mês de janeiro estão sendo de novas experiências e aprendizagens para os quatros estudantes da rede estadual de ensino que estão nos Estados Unidos, participando do intercâmbio cultural através do Programa Jovens Embaixadores 2018. Eles integram o grupo de 50 jovens de escolas públicas do Brasil, selecionados pelo programa para vivenciarem a rotina de jovens embaixadores. Iniciado no dia 12 de janeiro, o intercâmbio será concluído em 4 de fevereiro, com o retorno dos estudantes ao Brasil.
Isaías Sales, 17 anos, Lucca Lucciola Cassola,17, ambos do Colégio Estadual Raphael Serravalle, Pedro José Ferreira, 17, do Colégio Estadual Thales de Azevedo, em Salvador, e Juan Carlos da Silva,16, do Colégio Estadual Vilobaldo Campos, da cidade de Boquira, no centro sul do estado, já passaram pela capital dos EUA, Washington, e, agora, em grupos, embarcam para diferentes cidades americanas, onde ficarão hospedados em casas de famílias voluntárias.
Os jovens vão participar de reuniões com autoridades do governo dos EUA, líderes de ONGs, além de visitar escolas e projetos sociais. Participarão também de atividades de voluntariado e, como representantes da juventude brasileira nos EUA, farão apresentações sobre a Bahia, sua cultura e seu povo. No final da viagem, eles vão exibir um plano de ação na área de justiça social e voluntariado que será implementado em suas comunidades, após o retorno ao Brasil.
O estudante Pedro José Ferreira conta que está aproveitando ao máximo a viagem para conhecer um pouco sobre a cultura do país. “Estar em contato com distintas atividades voluntárias – que atuam positivamente em suas regiões – me faz pensar e idealizar projetos úteis que podem ser aplicados em minha comunidade. Sou muito grato por fazer parte dessa experiência. Isso só me inspira para continuar melhorando quem eu sou e aqueles ao meu redor”, revela.
Sobre a rotina de atividades, ele informa que conheceu, em Washington, o centro de conferência estudantil 4-H e participou de uma passeata em comemoração ao Dia de Martin Luther King, juntamente com os demais jovens embaixadores. Nesta sexta-feira (19) ele embarca num voo para a cidade de Reno, no estado de Nevada.
Juan Carlos acredita que a experiência no país estrangeiro abrirá novos caminhos na vida dele. “Estou muito feliz. Acho que o Programa Jovens Embaixadores vai abrir muitas portas, dar um peso positivo no meu currículo e me dar várias oportunidades”. Já Isaías Sales, que dá aulas de Inglês de forma voluntária no Serravalle, comentar que quer “aprender mais como dar continuidade ao meu trabalho e ensinar a outros jovens a fazer o mesmo que eu”.
Fonte: Secom/GovBA
FH, 19/1/18
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on RedditShare on LinkedInEmail this to someoneShare on Tumblr